Após Neymar terminar com Bruna, ator famoso se aproxima da atriz e ela revela como se sente

By | 19 de outubro de 2018

O romance mais chipado do Brasil terminou. Depois de muitas idas e vidas, parece que desta vez é definitivo: Bruna Marquezine confirmou à QUEM que ela e Neymar romperam o relacionamento. “Sim, a gente terminou. Foi ele que quis assim, mas existe muito carinho, muito respeito. Por ele e por tudo que nós vivemos”, disse a global.

Bruna Marquezine não quis dar mais detalhes do rompimento, preferindo manter sua privacidade. Porém, ela garante que os motivos não foram políticos: “Eu quero deixar bem claro isso, por que estamos vivendo um momento muito difícil, de muito ódio, muito perigo, em que as pessoas estão rompendo amizades. Eu quero deixar bem claro que os motivos não foram estes. Foi ele que quis assim, mas existe muito carinho e respeito, está tudo bem”, declarou.

Seis anos de idas e vidas

Bruna e Neymar começaram o romance em 2012 e nestes seis anos foram várias as idas e vindas do casal. A última vez foi no reveillon passado, quando eles reataram em Fernando de Noronha, depois de uma temporada em que estiveram longe um do outro.

Há pouco tempo, o jogador de futebol chegou a comentar sobre os plaos de casamento com a atriz, onde brincou que estava “chegando a hora”.

No entanto, apesar de negar as motivações políticas, Bruna fez questão de esclarecer sua adesão às pautas feministas e ao empoderamento feminino.

“Eu costumo dizer que eu estou me tornando mais feminista a cada dia que passa. Não tive uma criação feminista e isso acontece com a maioria das mulheres. Nós vamos aprendendo o que é o feminismo, porque o conceito eu acho que a maioria já entendeu. O dia a dia é a parte mais difícil: não se deve julgar uma mulher se ela te ameaça da forma como se comporta ou como se veste”, afirmou.

“De fato, eu acho que é muito mais que apenas empoderar outras mulheres… As mulheres precisam se unir… Mas no dia a dia, você tem que falar sobre o que acha interessante sobre outra mulher, mesmo que não se identifique com ela. Nós precisamos fazer isso porque não temos esse costume. Mulheres não costumam elogiar as outras, não costumam parabenizar por algo que a outra tenha feito. Nós sempre olhamos para outra mulher como se fosse uma concorrente, seja no trabalho, seja no relacionamento. E isso é muito triste. Eu considero que é uma luta para mim nesse momento. E para muitas mulheres é”.

“Porque não é assim: nós entendemos o conceito e da noite para o dia está tudo muito claro. É uma luta, mas estou orgulhosa de mim e todas as mulheres que lutam por isso. E é muito enriquecedor também, porque estou me conhecendo melhor e creio que eu estou virando uma versão melhor minha”, disse.

“Eu acredito que é o meu dever, enquanto artista, de fomentar debates interessantes, importantes para a sociedade. Mas nestas eleições, eu confesso que estou muito assustada com tudo o que está acontecendo, com o rumos que as coisas estão tomando e às veze que eu me pronunciei foi por medo, por pavor, por desespero. Não só pelos dois candidatos, porque não gosto de nenhum dos dois, mas porque tem tanta gente se odiando, tem muita gente racista e homofóbica por aí, numa onda de ódio e de agressões”.

“E eu fico me questionando, como iremos escolher um bom líder se o problema está nas pessoas? Fico muito triste com essa onde de preconceitos, de agressões, de ódio, que foi por medo que tenho me manisfestado. Sei que muita gente espera que os artistas se pronunciem, o que é muito difícil para nós, porque temos que pensar muito nem naquilo que vamos dizer”.

Bruna Marquezine negou que o motivo do rompimento seja político, porém Neymar e toda a família do jogador já afirmaram que o seu voto é no candidato da ultra-direita.

Bruna Marquezine comentou também sobre sua relação com a moda e como ela tem se tornado uma referência: “Fico muito lisonjeada e feliz. É uma maneira de elogiar, das pessoas dizerem que gostam do que eu uso”.

A atriz falou também sobre sua experiência de desfilar durante a Semana da Milão para marcas como a Dolce & Gabana: “Foi incrível, por que jamais imaginei que iria desfilar para uma grife desta categoria, já que eu não sou modelo, mas é algo que o meu trabalho de atriz pode proporcionar. Acho muito legal isso deles colocarem as pessoas na passarela”.

A bela revelou também, qual será a sua próxima aposta no mundo da moda: “Uma tendência que quero muito experimentar é a de sair com o shortinho para malhar. Eu amo roupa confortável, eu amo me sentir confortável. Então já me ganhou aí. Eu acho muito legal”, afirmou.

Após ruptura

Com poucas horas solteiras, Bruna já tem novos pretendentes no ar. Chay Suede pode ser um candidato, já que começou a segui-la assim que foi anunciado seu término com Neymar!